Ata 4

Ata no. 04 de 5º reunião- A reunião do COMDEF realizada no dia 07 de Outubro de 2009. Juliana faz a leitura da ata da reunião anterior, que é aprovada por todos os presentes.O regimento interno, que foi enviado por email antecipadamente, foi aprovado por todos. Os que ainda não haviam lido, farão as sugestões de alterações na próxima reunião. Os dois eventos esportivos para pessoas com deficiência foram aprovados, e fica decidido que acontecerão separadamente, um em novembro e o outro no começo do ano que vem. Juliana fica encarregada de entrar em contato com as empresas privadas para conseguir patrocínio para o evento, para o custeio dos atletas, para fazer os cartazes para os dois eventos e para o complemento da alimentação dos atletas. A alimentação dos atletas será feita com parte dos alimentos da Promoção Social e complementada com o dinheiro arrecadado. Fica decidido que serão feitos 500 cartazes, 250 para cada evento, com o logotipo dos patrocinadores. Também vai ser divulgado na rádio e nos jornais da cidade Fica definido que o primeiro evento acontecerá dia 08/11/2009 ou 22/11/2009, de acordo com a possibilidade do grupo de atletas. Juliana fica encarregada de marcar reunião com eles e com os membros de Esportes. Fernanda fica responsável pela coordenação da Comissão de Edificações. Ela analisará a possibilidade da entrada de dois fiscais para a comissão, sendo um deles definido como relator.É definida a Comissão de Esportes, tendo como membros Irai e Luciano Taniguchi, ficando Irai responsável por formar a comissão e definir coordenador e relator, com mais membros relacionados ao Esporte. Assim, Luciano deixa a comissão de edificações. Com relação ao assunto “Vagas de estacionamento para idosos”, fica decidido que é cedo a discussão desse assunto, uma vez que a fiscalização das vagas para pessoas com deficiência e o respeito das mesmas por parte das pessoas ainda são problemas. Luciano sugere que seja falado com Edgar do Trânsito para que pessoas idosas com problemas de mobilidade possam utilizar o adesivo de pessoa com deficiência, e assim utilizar as vagas já existentes. Juliana mostra o Manual Básico de Acessibilidade e o modelo de notificação que estão sendo entregues pela Fiscalização aos comércios e prestadores de serviços. Juliana e Fernanda estão visitando os estabelecimentos que entram em contato com a prefeitura para esclarecimentos sobre o que e como adaptar. Juliana afirma que duas arquitetas da AVAPE vieram a Socorro para definir o que será adaptado e fazerem relatório para a fase II do Projeto Socorro Acessível. Dervino comenta que falou com Marisa e existe uma empresa que nivela o mosaico português. Também foi discutido o problema da Campo Salles, do piso intertravado mal assentado e da empresa que não aparece. Fernanda explica que essa paralisação deve-se à burocracia da licitação e não podemos fazer nada a respeito. Fernanda comenta sobre a Avenida Rebouças, em São Paulo. Que colocou toda a fiação subterrânea, com custeio das empresas situadas na avenida. Dervino completa que o assunto chegou a ser comentado em outra ocasião juntamente com Tomás Fratini, que na época afirmou que seria inviável devido às condições do solo e ao alto custo para impermeabilização do mesmo.Outro assunto tratado na reunião foi o ônibus adaptado da prefeitura, que não veio adaptado na época. Fica definido mandar ofício à administração para que resolvam o problema, ou comprando um ônibus adaptado ou adaptando um ônibus já existente. Luciano Taniguchi afirma que existe uma empresa que realiza esse serviço chamada Covenagh. Sobre adaptação do Hospital com recursos do projeto Socorro Acessível, Luciano afirma que não é possível pois essa verba destina-se exclusivamente a obras públicas. Fica definido entrar em contato com a fiscalização para que notifiquem o hospital para que entreguem um relatório do que já está adaptado e um cronograma das adaptações a serem feitas. É comentada a possibilidade de se conseguir verbas com deputados para essa adaptação. Franks vai reestruturar o site da prefeitura. Falar com ele para estudar a possibilidade de tornar o site acessível. Foi definida a Comissão de Estudos de Leis sobre Acessibilidade, tendo como integrantes Luciano Taniguchi, Cleyde e Marcelo. Juliana fica encarregada em falar com membros que não estão freqüentando as reuniões do conselho.A próxima reunião fica marcada para 04/11/2009, às 15h. Sem mais a tratar, é encerrada a reunião. Ata redigida pela Juliana Chehouan – Secretária Executiva de COMDEF

Compartilhe:

Voltar