Ata 231

Ata 231

Ata 231 – No dia décimo segundo (12) dia do mês de Janeiro, na sala Municipal dos Conselhos Sr. Vivaldo Lopes Martins, ocorreu a reunião ordinária do COMTUR – Conselho Municipal de Turismo. A reunião inicia com a leitura da ata anterior que é aprovada por unanimidade. Na sequência, é debatido sobre o campeonato de Rafting, e Charles manifesta preocupação, devido as condições climáticas, onde estamos com o rio em baixa, o mesmo se prontifica em verificar a viabilidade da realização do evento com estas condições desfavoráveis. Elizandra agradeceu a Erica, que foi jurada do concurso de vitrines, por indicação do COMTUR. Aproveita para informar que haverá uma reunião de avaliação, e que houveram 3 ganhadores. Nos trabalhos da secretaria, Deise informa que foi enviado ofício a cidade aventura, no que diz respeito a prestação de contas da feira Expo Sport Total. Quanto a tesouraria, fica informado que o valor na conta da ACE, é de 1.884,80, e na conta do FUMTUR é de 58.297,40. É alertado, que precisa-se fazer um planejamento de todas as áreas com antecedência, afim de que se inicie as contratações. Elizandra expõe a preocupação com a baixa contribuição dos fundos da ACE, e que se faz necessário alguém desenvolvendo um trabalho para elevação do saldo da conta. Continua dizendo ainda, que uma pessoa da ACE poderia desenvolver esse trabalho, porém lhe faltaria argumentos. Sugere, que a tesouraria tome essa providência. Daniel indica que os representantes dos núcleos faça essas cobranças, e Deise diz que Jerônimo e a secretaria do COMTUR pode as fazer desde de que os representantes dos núcleos o orientem para tal serviço. Continuando, Deise diz que precisamos de mais envolvimento dos conselheiros. Pois as comissões são sempre compostas pelas mesmas pessoas. Ainda nessas questões “diversas”, José Fernandes ressalta o assunto dos caminhos turísticos, que de todos os que foram criados, poucos deles estão bem estruturados, e com diversidades de atrativos. Em seguida, é passado a palavra para Milton, que diz que a sua maior dificuldade no atendimento aos turistas, é saber e indicar quais hotéis  ainda possuem vagas. O risco dele indicar algum lugar, e fazer o turista perder a viagem, é eminente. Zé Fernandes, diz que com estruturas adequadas, as próprias meninas dos portais poderiam fazer estes serviços do Conselho. Milton ainda conta que recebeu reclamações de falta de informações por parte dos hotéis, (os mesmos não sabem informar outros atrativos / locais) na recepção dos hotéis, ele explica, que o recepcionista não precisa fazer este serviço de atendimento turístico, mas sim indicar o serviço turístico nos portais e no mirante. Elizandra informa que conseguiu um ônibus do SEBRAE com 40 lugares para feira do empreendedor, e que ainda hpá vagas disponíveis para esta missão técnica e devido a participação de vários membros deste conselho nesta missão sugere que a reunião do dia 9 seja antecipada para o dia 2. O pedido, é aprovado por unanimidade. Seguindo com os comunicados, Acácio, aproveita para falar sobre a eleição da APRECESP, que ocorrerá com chapa única, e tem o André como presidente. A chapa chama-se Belas estâncias, e a eleição será na ALESP, no dia 15 De Janeiro, as 14H. Fica frisado a importância desse momento para o turismo de Socorro, e também um convite para um pequeno coquetel no Clube XV com algumas autoridades, para comemorar esse momento na sexta-feira, ás 20h00. A reunião segue, e é cobrado da Secretaria que faça um controle melhor dos representantes e suplentes deste conselho, pois algumas cadeiras não tem participado efetivamente das reuniões. Na sequência, foi debatido e organizado as prioridades do COMTUR. Foi informado ao conselho, que existem pilotos vendendo vôos no aeródromo e é pedido ao departamento que verifique se isto é legal, tanto do aspecto comercial, quanto aspectos de segurança. Comunicou-se também, que José Fernandes tornou-se membro conselheiro do Conselho Estadual De Turismo. Na sequência o presidente passa a palavra para Daniel Rosa que informa que a partir do dia 02 de Fevereiro, reassume a Pedra da Bela Vista, já com o evento de Down Hill nos dias 07 e 08 de Fevereiro. Charles aproveita, e solicita ao Daniel que se mantenha ativo no núcleo de Aventura, bem como nas ações desenvolvidas. Ainda na aventura, é informado sobre a organização para que o evento HakaRace aconteça nos dias 07 e 08 de março. Iniciou também, as conversas para o seminário de ecoturismo, que talvez seja realizado pela ABETA com o apoio do Ministério do Turismo neste primeiro semestre e que poderemos realizar um independente no segundo semestre. O núcleo também recebeu um ofício do COMDEMA, alertando que retirar as pedras do Rio Do peixe para operacionalizar o Rafting, é crime ambiental, justificando que o COMDEMA havia sido consultado por um empresário do ramo para fazer tal ação. Nesta pauta, Charles questiona sobre a cachoeira da Baleia, visto que a construtora tomou conta de um trecho como canteiro de obras, já que um trecho da estrada está sendo asfaltado. Ele indaga se existe algum plano de recuperação ambiental desses trechos, seja por parte da prefeitura, ou até mesmo pela construtora e se prontifica a verificar se existe alguma ação para revitalizar a área. Também é pedido ao COMTUR, que envie ofício as operadoras de Rafting, questionando-as o por que de se vender o Rafting de 07 Km, e somente operacionalizar o de 05,2 Km. Para finalizar, foi levado para análise dos conselheiros o Guia 4 Rodas, devido a questionamentos quanto algumas imagens lá impressas, e na sequência, a proposta da Terrinha Da Gente. Sem maiores acréscimos, eu Dr. Vitorio Zuccon declaro essa reunião por encerrada, Deise Formagio redige, e ambos assinam a presente.

 

Compartilhe: