Ata 247

Ata 247 – No nono dia do mês de Maio de 2016, as 19:00H, na sala municipal dos conselhos Sr. Vivaldo Lopes Martins, deu-se início a reunião ordinária do COMTUR – Conselho Municipal de Turismo de Socorro que fora conduzida pelo Vice-Presidente Charles Gonçalves, devido a ausência do Presidente. A reunião começa com a leitura da ata anterior, que é aprovada por unanimidade, com apenas uma correção solicitada pela Maria Teresa. Ela comunica que a sugestão de tombamento do portal não foi feito por ela, mas sim pelo COMDEPACNAS. Aproveitando essa temática, o Sr. Daniel Rosa sugere que quando houver o tombamento, o mesmo, seja feito somente na obra em si, e não em seu entorno, com o intuito de não impedir a duplicação da rodovia, mas sim conservar o portal, e Maria Tereza irá levar essa questão ao Conselho. Ainda nesse assunto, Charles trás ao conselho que houveram a participação da EPTV e TV Record na cobertura da manifestação e entrega do abaixo-assinado. Sr. Acácio informa ao conselho que a partir daqui o caminho é político, pressionando o governo estadual, e deputados. Sr. Acácio pede que seja registrado em Ata os agradecimentos ao Shane e Renê, pela produção dos vídeos e imagens que foram disponibilizados aos veículos de comunicação que cobriram o evento. Sendo assim, fica expresso nossos agradecimentos. Ainda com a palavra, Acácio informa que quando esteve em santos, encontrou com o vice-governador, e pediu sua ajuda a respeito dessa questão. Fica decidido fazer um ofício ao Governador o questionando, e junto deste elencar outros políticos e entidades para serem comunicadas dessa questão, como por exemplo a APRECESP. Sr. Arnaldo ainda sugere a realização de um abaixo-assinado online, e Daniel Barbarini fica encarregado de ver como o fazer. A reunião segue, passando a pauta para a secretaria, e Sr. Charles informa que Sra. Deise está de férias, entretanto já deixou todos ofícios produzidos e despachados. Ofícios esses, que tratavam da conservação das estradas e acessos aos caminhos turísticos. Na sequência, Sr. Marcelo Fratini se apresenta ao conselho, e comunica que ele está à frente da secretaria de gestão, e se coloca a disposição do conselho. O Vice-presidente continua a reunião, e o assunto a ser tratado é os diversos problemas enfrentados com os taxistas. O conselho após um debate decide por enviar ofício ao prefeito e a fiscalização solicitando que se aja uma normatização da tabela de preços e fixação das mesmas em locais visíveis, como por exemplo, pontos turísticos. Outras necessidades a respeito dessa questão, é a criação de plantões de taxis para atendimento 24H, 5% da frota acessível (como determinado por lei federal), rever as leis municipais de taxis para incluir o trabalho com o aplicativo 99taxis, Uber X, e outros. Para alinhar os trabalhos, foi montada uma comissão com o Sr. Marcelo Fratini como coordenador, Xavier e Sr. Zé Fernandes também integram a mesma. Sra. Ana Luiza se dispôs a efetuar um levantamento de todas as reclamações realizadas pelos turistas a respeito dos taxis para compor os relatórios da comissão. Outra sugestão pautada pelo conselho é a criação de uma linha de ônibus “turística”, que além de servir aos turistas como forma de deslocamento, pode ajudar a população da zona rural a conhecer outros pontos turísticos não explorado por eles. Para isso, ficou de conversar com a auto-viação Bueno para que eles apoiem. Sr. Xavier aproveita e lembra que existe um projeto de cooperativa para transporte que está com o prefeito, de repente esse também possa ser um caminho. Sr. Charles da continuidade a reunião, e é passado para o Salão São Paulo de turismo, onde é votado uma verba de R$5.000,00 para o evento, sendo R$4.000 para o evento propriamente dito, e R$1.000,00 para uma ação de marketing no Waze-gps, onde cada pessoa que passar pela avenida paulista utilizando o waze terá um “convite” para visitar o evento e o estande Socorro. A reunião segue, e Sr. Acácio pede a palavra e trás ao conselho que lá em Santos, ele falou que Socorro recebe hoje por volta de 1.200.000 (um milhão e duzentos) visitantes e foi indagado qual a forma que chegou a esse número. Então ele sugere um exercício rápido com os conselheiros para alinhar essa questão, e é chego a um número de 1.350.000 turistas /ano. Porém essas contas são informal, e Socorro precisa de uma pesquisa formal. Para tal, ficou-se de entrar em contato com empresas de pesquisa, para termos uma ideia do tempo, e outras questões para realização da mesma, e trazermos um feedback ao conselho. A reunião segue, e na tesouraria é informado que da verba do FUMTUR o saldo é de R$251.500,00, sendo que R$20.000,00 foi aplicado no Marketing digital, R$8.000,00 para popup banners e backdrop, R$13.000,00 no campeonato de rafting e R$7.500,00 para fotos 360º de pontos turísticos de Socorro. Já na conta do sicoob temos um saldo de R$3.139,26, e já pagamos o Daniel Barbarini prestador de serviços de markting digital e a Silvana assessora de imprensa, Faltando somente a Isabela, pois ela ainda não emitiu a NF, e a hospedagem do site, pois ainda não chegou o boleto. Na sequência, Xavier toma a palavra e informa que realizou uma ação junto do pessoal dos restaurantes – rebasi, no dia das mães, entregando certificados para as “mamães”, e correu tudo bem. Ele ainda comunica o desejo de colocar um telão na praça para que os parceiros divulguem seus empreendimentos. A reunião segue, e Sr. Charles passa para a comissão de marketing, onde é comunicado a respeito do festival sabores da roça, que os cartazes e flyers já estão prontos, e a campanha no Facebook já está no ar. A comissão ainda pontua a respeito da campanha do dia das mães, que foi uma campanha sem sucesso pela carência de material de divulgação e por questão de prazos, ela não teve sucesso. Ainda foi destacado que o material do qual se fala em marketing digital é imagens – fotos e vídeos, e essa ausência está sendo sentido na campanha promocional dos sorteios do site, e no material de divulgação do sabores da roça. Sendo assim, é sugerido pela comissão que seja feito material de divulgação institucional das atividades. Estes materiais serão desenvolvidos de acordo com as necessidades dos núcleos, por exemplo, a aventura fará um vídeo de acessibilidade e segurança, e outros. Sr. Zé Fernandes ainda aproveita para sugerir que de repente possa utilizar a chegada das garças e explorar isso, como feito em outros destinos. Sendo assim, é sugerido a aprovação de uma verba inicial de R$8.000,00 para a produção dessas imagens e vídeos, e a mesma é aprovada por unanimidade. A reunião segue, e Sr. Charles expõe a questão da aproximação da ACE – Associação Comercial e Empresarial com o COMTUR, onde ele comunica que já pediu que fosse alterado a data da reunião de diretoria da ACE, pois a mesma coincide com a reunião do conselho, inviabilizando a participação do turismo na mesma, e a própria associação faz esse questionamento. Sra. Ana Luiza tem uma reunião na ACE, e irá conversar sobre isso com eles afim de alinhar essa questão. Encerrando esse assunto, Sr. Charles prossegue para os núcleos, onde Xavier comunica o desejo de realizar um festival chamado “comida de boteco”, e de participar dentro do festival de inverno da cidade com um evento chamado “talentos da cidade”. Seguindo, no núcleo de hospedagem Sr. Arnaldo pontua a questão do ameaço de assalto com caminhão baú que ele sofreu em sua pousada, onde o assalto só não foi concretizado porque ele estava lá. Ele ainda comunica que essa turma abordou outras pousadas, conseguindo efetivar os assaltos. Para tentar amenizar esse problema, o conselho irá fazer um ofício ao CONSEG – Conselho Municipal de Segurança, solicitando a intervenção deles, pedindo uma ronda mais efetiva na zona rural de nossa cidade. Já no núcleo de turismo rural, Sra. Beth reclamou que infelizmente o caminho turístico da Pedra Bela Vista é visto como ponto de despejo, onde o pessoal joga desde entulho de construção a lixo, etc, e pede que o conselho faça algo. Ela ainda informa que o Sr. Waldir Ferraz está realizando o 2º sarau rural no bairro do livramento e seria legal que a Silvana fizesse um release sobre o evento. Seguindo, Sr. Charles fala em nome do núcleo de aventura, dizendo que participaram da Feliso, e foi muito bacana essa “interação”. Participou também, da reunião do COMDEMA, para discutir ações em prol da conservação do rio do peixe. Ainda com a palavra, Charles questiona a respeito das placas de sinalização que serão instaladas lá em Bragança, e as placas de sinalização internas dos caminhos turísticos, que estão precisando de manutenção em virtude da depredação e vandalismo. Entretanto, o Henrique – representante do prefeito não estava presente para nos comunicar como estão essas questões. Na sequência, o conselho discute a questão das entidades faltantes, pois existe um número considerável de representações com 3 faltas consecutivas, e é decidido que será realizado um levantamento das mesmas e oficializadas para que voltem a integrar o conselho, se não irão perder suas cadeiras. Quando for entidade nomeadas  pelo prefeito, o mesmo será oficializado e irá indicar novos representantes para ocupar a cadeira. Para encerrar, Sr. Luís Coli pede a palavra, e comunica que está inaugurando o “mirante do Rio do Peixe”, que está localizado próximo a Pousada Vista Linda e o alambique Santo mé. Então, ele pede que o conselho o apoie pedindo uma manutenção no acesso Rio do Peixe – Pinhal, pois a passagem por essa estrada está inviável até mesmo para carros 4×4. O vice-presidente Sr. Charles Gonçalves toma a palavra, e não havendo nada mais a discutir, declara a reunião por encerrada, e eu Ana Luiza Russo, tesoureira redijo e assino a presente ata junto do mesmo.

Compartilhe:

Voltar