Ata 272

Ata 272

Ata 272 – No décimo sexto dia do mês de Julho, ás 19h00, na Sala dos conselhos Sr. Vivaldo Lopes Martins, o COMTUR, Conselho Municipal de Turismo, por intermédio de seu Presidente Luiz Eduardo Bovi da inicio a reunião do mês. Na ausência da secretaria Eliza, Deise faz a leitura da ata anterior sendo ela aprovada por unanimidade. É justificada a ausência da secretaria e representante do núcleo de hospedagem Eliza, do representante do núcleo de turismo rural Flavio e do representante do núcleo gastronômico Guilherme. Em seguida Eduardo toma a palavra e compartilha com os conselheiros sobre a verba do DADE, onde foram feitos os portais do caminho turístico do rio do peixe, caminho turístico da pedra bela vista e do serrote, ainda falta os pórticos do caminho turístico dos pereiras e lavras de cima, esperamos também a reforma do banheiro do recinto onde os mesmos estão em licitação. Acácio fala que foi solicitado a prefeitura os projetos para averiguar questões de desapropriação e impacto ambiental da ciclovia e que sobre o recurso do DADE de 2018, foi destinado 100% para obras de um auditório no Recinto, para que possamos organizar eventos futuros. Ligia toma a palavra e fala sobre um projeto de Sustentabilidade que deve ser construído gradativamente com finalização em 2029, onde a cidade completa 200 anos.. Para isso o consultor Alexandre Garrido apresenta uma pré proposta para que o projeto de Sustentabilidade possa ser implementado na cidade. A ideia é construir esse projeto com a participação da população, empresários e as crianças visando o planejamento, a implementação e monitoramento de ações para o desenvolvimento sustentável de Socorro, afinal uma cidade protegida e preservada é garantia de turismo por várias gerações. A próxima fase é que a comissão de Meio Ambiente análise a proposta dessa consultoria. A ideia é pré alocar uma verba inicial para este projeto de R$ 15.000,00 (quinze mil reais), sendo aprovada pelos membros votantes. Dando continuidade Deise comenta sobre os resultados do Arraiá. Aqueles que puderam participaram elogiaram a organização do evento através da Secretaria de Cultura, a questão da padronização da festa, a variedade de alimentos, a locução, fotos profissionais realizadas, vídeo produzido pela Prefeitura, material de divulgação produzido pela Prefeitura, onde foram feitos para que as divulgações se iniciassem com antecedência, a quadrilha, as atrações musicais e o pau de sebo com certeza foi uma das atrações mais requisitadas. Nos pontos negativos foi abordado a falta de envolvimento dos hotéis fazenda, principalmente na quadrilha dos turistas, a divulgação de poderia ter sido melhor aproveitada, pois a ação foi criada justamente para atrair hóspedes para a festa e também a organização dos caixas para não termos problemas com filas. Foi sugerido que para o ano que vem o Arraiá seja estendido por um período maior e que seja feito lançamentos de pratos típicos para gerar notícias ao evento, além disso, também trazer mais brincadeiras relacionadas ao tema da festa e melhorar o espaço da quadrilha. Deise aproveita e fala sobre a sala descentralizada para o curso de Guias de Turismo da ETEC, ela menciona sobre uma reunião onde estiveram ela, Acácio e o Charles com o coordenador do curso e a diretora da entidade, manifestando a vontade e a necessidade de se trazer uma sala de estudos para Socorro. A receptividade foi ótima, mas devemos aguardar os próximos passos. O coordenador da ETEC e a vice diretora da ETEC também estiveram em uma reunião com os empresários de Socorro falando sobre a contratação de mão-de-obra através de contrato com estagiários e sobre o programa de jovem aprendiz, o material será disponibilizado a todos. Deise também fala sobre a possiblidade de fazermos um projeto para inserir a matéria do turismo nas salas de aulas, ela comenta que a cidade de Gramado adotou essa estratégia e hoje Gramado vive do turismo, as crianças crescem com a cultura do turismo na cabeça e essas pessoas trabalham na cidade. A ideia é tornar Socorro a mesma potência turística que é Gramado. Acácio toma a palavra e comenta que agora temos uma ONG onde a Cassia está representando, a Parcel é uma parceira nova da prefeitura e que tem tudo a ver com o que está acontecendo aqui, ela também pode nos ajudar e participar de ações, pois, o projeto tem relação com a sustentabilidade do turismo. Dando continuidade à pauta Deise comenta sobre a Comissão de Marketing, começando pela AVIRRP, que acontece nos dias 03 e 04 de Agosto, em Ribeirao Preto. Ela fala sobre a programação do evento que inicia na sexta-feira, as 13h00 e termina, as 18h00, após esse horário  o pessoal começa a fazer o Happy hour e network nos estandes então é aberto pra quem quiser levar café, um chope enfim, para que o pessoal passe nos estandes. No sábado a feira começa, às 13h30 e tem seu termino ás 17h00 e em seguida Happy hour.  Deise ainda relata que foi feita uma tentativa de reunir o núcleo de hospedagem justamente para montar uma escala de trabalho no evento, mas não teve sucesso. Participaram apenas três empreendimentos, a Próximaventura, Restaurante Sal e Pimenta, Rede dos Sonhos, Acácio da Secretaria de Turismo e a Priscila como ASTUR, as pessoas presentes concordaram em participar, os mesmos estão na escala de participação da AVIRRP. Também estão na escala de trabalho os empreendimentos Rancho Pompéia e Pedra da Bela Vista. A estratégia principal é ir buscar os contatos de agências, operadoras e guias, afim de trazê-los á Socorro e fazer um roteiro de um ou dois dias para que conheçam a cidade e possam vender. Deise ainda comenta de uma possível parceria com a Ecobier e Quinta do Malte para levarmos os produtos e fazer a degustação durante o Happy Hour. Charles toma a palavra e comenta que o segundo objetivo é preparar os roteiros, formatar e comercializar, precisamos ter um contato prévio com os agentes, fazer pesquisas para traçarmos o perfil dos mesmos. Eduardo fala que fomos muitos precipitados, pois essa feira AVIRRP foi bastante discutida e está acontecendo aquilo que falamos, temos muito pouca participação das empresas e se vamos fazer roteiros deveria ter mais engajamento dos diversos empreendimentos. Deise toma a palavra e fala que ainda não foi passado nos grupos do whatsApp sobre a escala de trabalho durante a AVIRRP, e que outras ações devem ser feitas como por exemplo divulgar a participação de Socorro na feira, através da assessoria de imprensa, será divulgada a nossa participação nos veículos de comunicação em Ribeirão Preto, também foi solicitado a assessoria de imprensa fazer o convite para uma mídia de comunicação de Ribeirão Preto que seja relevante para conhecer socorro e fazer aquele um Press Trip. Diante de tal colocação Eduardo sugere uma reflexão, pois em muitas ações o que está faltando é engajamento. Deise complementa usando um exemplo que ocorreu no núcleo de hospedagem, onde foi sugerido a todos membros replicar a ação já utilizada pela Rede dos Sonhos “Agosto do Hóspede” justamente para atrair mais hóspedes, pois o mês é de baixa temporada, mas comenta que ninguém retornou. É sugerido então que os empresários se mobilizem de repente trazendo um assessoramento de uma entidade para tentar reverter essa situação. Logo em seguida, Charles representante do núcleo de aventura, comenta que no núcleo também tem acontecido a mesma situação. Hoje no período da manhã nos reunimos, mas estavam presente apenas a Isabela da Pedra da Bela Vista, Henani da Rede dos Sonhos e equipe da Secretaria de Turismo e ASTUR. Ele complementa que as ações coletivas acabam ficando prejudicadas com essa falta de participação dos empresários. Logo após essa fala Deise fala sobre a participação de Socorro na Adventure Sports Fair, ela comenta que o layout do estande está pronto e que é necessário discutir as estratégias de promoção e divulgação no espaço. Ela comenta que foi cogitado inclusive utilizar umas das ações já usadas anteriormente e que para essa feira também será feita uma escala de trabalho com a pretensão de envolver mais as pessoas para estar no estande gerando negócios durante a feira que acontece de 19 a 21 de outubro, na expo São Paulo. Sobre o Roda São Paulo, Deise dá um retorno sobre os resultados, comenta que o Roda ficou na região dos Circuito das Águas no período de 21 de junho a 06 de julho, o operacional foi de terça a domingo exceto nos dias do jogo do Brasil, as 09 cidades participaram e o custo do ingresso foi de R$10,00 ( dez reais), haviam 11 opções de roteiros e o total de passageiros do Roda SP foi de 2.562 pessoas em quase 11 dias, na maioria dos dias os ingressos estavam esgotados. Ela informa que a Secretaria de Turismo do Estado ficou muito satisfeita com o resultado e por isso já está confirmado o Roda São Paulo para o ano que vem, está previsto para acontecer no período de julho. Seguindo a pauta em relação as comissões, Deise fala sobre a comissão dos caminhos turísticos que atualmente é coordenada pelo José Fernandes e o mesmo não tem conseguido fazer as reuniões, então ela sugere que se crie uma nova comissão para dar andamento nas ações, principalmente em relação a sinalização turística. Todos concordam, então a comissão é formada por Daniel Rosa, Luiz Eduardo Bovi, Raphael, Lígia e Deise a principio. Seguindo a pauta é falado sobre os Núcleos, Charles comenta sobre a reunião que aconteceu do núcleo de aventura que trouxeram a questão da ETEC da sala descentralizada, também comentamos sobre a pesquisa do circuito das águas, onde eles pediram para serem feitos e entregue no começo de Agosto; Foi falado rapidamente do arraia e um pouco sobre turismo e cultura que estão ligados no mesmo assunto; comentamos sobre a ação a Setembro que é o mês do Turismo e poderíamos repetir a mesma ação do ano passado; falamos sobre o hard in help que vai acontecer no mês de Agosto e comentamos sobre fazer treinamento da ASTUR no mês de Agosto; falamos sobre a AVIRRP de ter um tablet pra poder pegar as informações, questionários, etc. para poder ficar dentro do assunto com o agente de viagem para saber com quem estamos falando, Foi comentado sobre as feiras, como seriam retiradas as informações dos eventos, falamos sobre um modelo para divulgar o conteúdo de informação coletada no evento;  E sobre uma ação direcionada para o dia dos pais.  Com relação a ASTUR Charles diz que está com duas pendencias para resolver, uma é a facilitação dentro da ASTUR e a outra é a parte comercial, ele também comenta que na quarta-feira vai ter uma reunião com duas pessoas que talvez se interessem em contribuir. Charles ainda comenta que falou sobre o domínio do site socorro.tur.br com a Cristiane da ACE, onde ele perguntou qual o posicionamento dos diretores sobre o domínio do mesmo que hoje é administrado pela ASTUR, e ela solicitou uma proposta da ASTUR, para que eles possam devolver esse domínio. O Presidente toma a palavra e sugere que seja marcada uma reunião com a ACE para reavermos o domínio. Chegando ao final da reunião é dada a palavra livre, onde Cassia comenta sobre a sala verde, os projetos que estão fazendo dentro do Horto Municipal e sobre a inauguração que está tudo certo para acontecer. Gabriel comenta também sobre o novo canal de TV que foi aberto em Socorro (TV Socorro) e que está a disposição para parcerias. Após essa fala e nada mais havendo a tratar o presidente toma a palavra e da por encerrada a reunião do COMTUR e eu Deise Formagio Cavazan, na ausência da secretária redigi e assino a presente ata juntamente ao presidente Luiz Eduardo Bovi.

 

Compartilhe: