Ata 286

Ata 286 – No nono dia do mês de Setembro, ás 19h15, na sala dos Conselhos Sr. Vivaldo Lopes Martins, o COMTUR – Conselho Municipal de Turismo, por intermédio do seu presidente Luiz Eduardo Bovi dá início a reunião e faz a leitura da ata anterior, que é aprovada por unanimidade. Para dar inicio a reunião do COMTUR, Ana Luiza, tesoureira da ASTUR apresenta a máquina de Cartão do a BMG GRANITO, a qual ofereceu boas condições para a ASTUR com taxas bem abaixo do mercado. Serão disponibilizadas 30 maquinas para associados. Quem tiver interesse em saber os valores da taxas deverá entrar em contato com o setor administrativo da ASTUR. Após a fala de Ana Luíza o Presidente Eduardo Bovi da continuidade a pauta falando sobre o Projeto Socorro “duas rodas” onde diversas ações estão sendo alinhadas para que a cidade seja reconhecida como a capital das duas rodas. Neste momento Luciano Peixoto se apresenta e inicia uma explicação sobre o projeto, afirmando a importância do destino Socorro no segmento de duas rodas. Ele comenta que um calendário de eventos está sendo planejado inclusive para que ocorram em períodos de baixa temporada.  São eventos culturais, seminários, esportivos e exposições. O Projeto terá início em 2020, há necessidade de montar uma agenda até o dia trinta (30) de Setembro, com lançamento até trinta (30) de Outubro, Luciano encerra enfatizando que é necessário à participação de todos para trabalhar e preencher o calendário do projeto. Eduardo toma a palavra e diz que neste momento o turismo está em uma ótima fase e boa parte esta voltado ao turismo de esporte e lazer e precisamos da participação de todo subsegmento do turismo, contando com o apoio do poder executivo e legislativo, a ideia é criar uma comissão para poder estruturar e validar essa agenda, criação da logomarca do projeto, e poder ter até a próxima reunião o projeto estruturado, a importância de antecipar as questões importantes para designar a verba do COMTUR, pois 2020 é ano de eleitoral e tudo acaba sendo congelado. Charles enfatiza a necessidade de aproveitar o segmento, que o evento da Harley Davidson trouxe um alto ticket médio. Eduardo coloca a necessidade de estar sempre um passo a frente em relação a outras cidades. Eduardo coloca a importância de uma comissão para que o projeto duas rodas seja um trabalho sério e estruturado. Eduardo da continuidade falando sobre a pauta do Luzes de Natal ele enfatiza sobre a importância do empresariado investir neste projeto que beneficia a todos. Ele comenta que infelizmente a contribuição do setor turístico está bem inferior em relação a estimativa feita para a arrecadação e que a Associação Comercial está sendo fundamental neste processo arrecadando do comércio local.Luciano sugere entrar em contato com o grupo Harley Davidson, pois pode ser que tenham interesse em patrocinar o evento. Ana Luíza coloca a importância de cadastrar o maior papai Noel de garrafas pet no guinness book. Eduardo coloca que as grandes empresas ainda não estão participando do Luzes de Natal. Thiago comenta que a Ecobier investiu por volta de vinte e quatro mil reais (R$24.000,00). Dando sequencia na reunião Deise fala sobre as pautas discutidas na reunião da comissão de marketing. Ela explica que alguns projetos foram discutidos para investimentos da verba do COMTUR como fazer divulgação em tv, sinalização turística para o atrativo turístico Mirante do Cristo, evento de divulgação com jornalistas e confecção de brinde promocionais para divulgação do destinos em diversas ações. Depois de muito se debater entre os projetos foi resolvido pelos conselheiros presente que seria investido cerca de R$5.000,00 (cinco mil reais) para a confecção de brindes promocionais do destino, cerca de 15.000,00 (quinze mil reais) para investir em tv com intuito de divulgar a cidade e o evento Socorro Luzes de Natal e R$15.000,00 (quinze mil reais) para realização de evento com os jornalistas em São Paulo e o restante da verba foi feita a votação, e resolveu priorizar que trinta e cinco mil reais (R$35.000,00) da verba do COMTUR será investido no luzes de Natal. Seguindo a reunião em relação à verba do DADE a liberação deve ficar em torno de novecentos mil reais (R$900.000,00) referente a 2019, pois a verba foi contingenciada. Na comissão do Meio Ambiente foi falado sobre a realização da segunda edição do evento Rua Viva. Eduardo comenta que acha necessário mais engajamento de todos e que nesta edição o Rotaract participou. Na sequencia foi aberta a palavra para que os núcleos pudessem falar sobre as ações referente ao mês. No núcleo de aventura, Charles, falou sobre a realização da última reunião do núcleo de aventura onde haverá a capacitação da empresa Nomas focado em competências básicas de condutor de turismo de aventura, nos dias 14 á 18/10, na sala dos conselhos. Também falou sobre a avaliação da participação no evento Abeta Summit e as próximas ações do núcleo. Sem mais a declarar o presidente da por encerrada a reunião ordinária do mês de Setembro, e eu Ana Lucia Aranda membro do COMTUR, redijo e assino a presente ata junto com ao presidente Luiz Eduardo Bovi.

Compartilhe: