Coleta de lixo da compostagem no Jardim Gollo para nos dias 22, 25 e 29 de dezembro e 1º de janeiro

Lixo destinado ao aterro sanitário municipal será recolhido normalmente nos dias 22 e 29


Complexo Ambiental produz fertilizante a partir de sobras de alimentos e restos de poda

Conforme previsto no Decreto nº 3751/2017, publicado na edição 490 do Jornal Oficial de Socorro em 15 de dezembro, a Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável informa que a coleta de lixo destinado ao projeto piloto de compostagem realizado no Jardim Gollo não acontecerá nos dias 22 e 29 de dezembro – além também dos dias 25 de dezembro e 1º de janeiro (feriados nacionais).

Na quarta-feira, dia 27, a coleta será realizada normalmente e no horário de costume – início por volta das 13h. Vale lembrar que a coleta de materiais recicláveis e de lixo destinado ao aterro sanitário municipal segue acontecendo normalmente, exceto nos dias 25 de dezembro e 1º de janeiro, conforme já informado à população anteriormente (clique aqui).

O que é a compostagem e qual sua importância para o meio ambiente

O processo de compostagem consiste em transformar matéria orgânica (restos de alimentos e de poda) em fertilizantes naturais, e é desenvolvido em Socorro em parceria com a empresa Visafértil, especializada no ramo e responsável por oferecer todo suporte de orientação e material necessário para o procedimento.

Desde que foi implantado como piloto, em novembro de 2014, o projeto já destinou ao Centro de Compostagem mais de 30 toneladas de sobras de alimentos e restos de poda, evitando que esse lixo ocupasse mais espaço no aterro municipal. Além disso, o composto orgânico é utilizado em jardins da Prefeitura e doado a produtores rurais para que suas terras sejam mais férteis.

A Prefeitura estuda ampliar o projeto para mais bairros do município, de modo a dar um destino ecologicamente correto à matéria orgânica e estender a vida útil do aterro sanitário municipal.

Os interessados em obter o composto orgânico produzido no Complexo Ambiental devem entrar em contato com o Departamento de Desenvolvimento Rural pelo telefone 3895-6430. É necessário efetuar cadastro.

Compartilhe:

Voltar