Educação de Socorro recebe selo “Bom Percurso” em estudo realizado pelos Tribunais de Contas do Brasil

A Rede Municipal de Educação de Socorro foi outorgada com o selo “Bom Percurso”, resultado de estudo realizado pelo projeto “Educação Que Faz a Diferença”, através de parceria entre os órgãos Interdisciplinaridade e Evidências no Debate Educacional – Iede e o Instituto Rui Barbosa – IRB, associação civil para promover o aperfeiçoamento dos Tribunais de Contas do Brasil. Socorro está entre as 118 redes municipais, de todo o Brasil, que foram identificadas com bons resultados no estudo, conforme resultado divulgado em 25 de junho.

O selo foi outorgado à Rede Municipal de Educação de Socorro por sua pontuação histórica no Índice do Desenvolvimento da Educação Básica – IDEB, avaliada em 2017 com nota 7,55, superando a meta de 2021, que era de 6,7, e devido às características demográficas dos alunos atendidos.

O estudo é realizado em âmbito nacional e envolve todos os 28 Tribunais de Contas com jurisdição sobre os municípios participantes. São classificadas como “Bom Percurso”, as redes de ensino que apresentaram evolução consistente na aprendizagem dos alunos e no fluxo escolar nos últimos anos.

Soma-se a essa conquista, a avaliação recorde obtida pela Educação de Socorro no Índice de Oportunidades da Educação Brasileira – IOEB. Na mais recente avaliação, em 2019, o nível alcançado pela cidade foi de 5,7 pontos, acima das médias estadual (4,9) e nacional (4,7), colocando a Educação de Socorro entre as 23 melhores do país.

“Mais uma avaliação positiva, que comprova a evolução do ensino das escolas e creches municipais nos últimos anos, e reafirma nosso compromisso com a melhoria da qualidade de vida da população socorrense. Parabenizo e compartilho com todos os profissionais da Secretaria de Educação, de mais um importante reconhecimento da qualidade do ensino público municipal em Socorro” – celebrou o prefeito André Bozola.

Compartilhe: