Secretaria de Educação realiza projeto “Lutas Pedagógicas” na escola “Profª Benedicta Geralda de Souza Barbosa”.

A Secretaria Municipal de Educação iniciou, no mês de maio, o projeto “Lutas Pedagógicas” artes marciais através do lúdico, na escola municipal “Profª Benedicta Geralda de Souza Barbosa”.

A proposta vai ao encontro dos princípios pedagógicos da escola, juntamente com a filosofia do “Projeto – Comunidade de Aprendizagem”, estreitando laços entre escola e comunidade. As lutas Pedagógicas é uma atividade oferecida no contra turno para os estudantes dos 4º e 5º anos do Ensino Fundamental de nove anos, com o intuito de promover a ampliação do tempo e espaço desses alunos no ambiente escolar.

As aulas ocorrem às segundas – feiras, por uma hora, no período da manhã. Para os alunos do período da tarde, tendo como instrutor o pedagogo Fernando Montini, que realiza essa prática em nossa escola como voluntária.

“Já observamos que as Lutas Pedagógicas têm propiciado um desenvolvimento significativo em nossas crianças”- afirma a Coordenadora Pedagógica, Marisa Rosa Ferreira.

“Com essa proposta minimizamos o tempo ocioso de nossos alunos fora da escola. Propiciando assim mais tempo de aprendizagem e desenvolvimento”- ressalta a diretora, Reginéia Tavares da Silva.

Luta Pedagógica

As chamadas Lutas Pedagógicas que são uma iniciação ao contexto das artes marciais por meio de jogos e atividades lúdicas. Não se trata de ensinar apenas um estilo de arte marcial específica, mas trabalhar os fundamentos centrais das artes marciais através de jogos, atividades psicomotoras, equilíbrio, lúdicas e uma das mais importantes áreas, a interação social, promovendo assim o desenvolvimento da inteligência emocional. Essa proposta pode ser perfeitamente realizada dentro do espaço escolar como recurso didático. Traz desenvolvimento cognitivo, psicomotor, social e disciplina.

 

Compartilhe:

Voltar