Secretaria de Segurança faz campanha nas férias contra uso de cerol

Também conhecido como linha chilena, artefato pode resultar em acidentes fatais


GCM apreendeu material cortante no domingo, 9,
em patrulha por bairros de Socorro

A Secretaria Municipal de Segurança e Defesa do Cidadão introduziu no rol de atividades a campanha de férias “Diversão com segurança: Pipa sem cerol”, cujo objetivo é conscientizar crianças, adolescentes e pais ou responsáveis sobre o perigo de utilizar cerol em pipas.

As ações também consistem em fiscalizar estabelecimentos comerciais que vendem pipas e acessórios. “Estamos atentos. Esse tipo de material costuma ser vendido na clandestinidade. Sua produção e comercialização configuram crime”, ressalta o secretário de Segurança, Willhams de Morais.

De acordo com Willhams, como parte da campanha, folhetos elaborados pelo Departamento de Comunicação Social serão distribuídos em eventos municipais, como na Festa de Agosto, e pontos onde frequentemente há crianças brincando com pipas.

“Escolhemos o mês de julho porque, devido ao período de férias, há maior volume de uso indevido desses artefatos que colocam em risco a integridade física humana e de animais, bem como podem resultar em descargas elétricas”, aponta o secretário de Segurança.

A campanha tem como diretriz o confisco de cerol ou similares. Em um único dia, foram apreendidos mais de 30 rolos de fio cortante em posse de crianças e adolescentes, em patrulha pelos bairros Jardim Santa Cruz, Vila Nova e Vila Palmira.

Compartilhe:

Voltar