Prefeitura de Socorro recebe aprovação dos projetos para o saneamento rural

A Prefeitura Municipal de Socorro, por meio da Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (SEMADS) e a Secretaria de Saúde, na última sexta-feira (08), obteve a aprovação de três projetos a serem financiados pelo Fundo Estadual de Recursos Hídricos (FEHIDRO).

O descarte de esgoto doméstico diretamente no meio ambiente é uma prática comum nas propriedades rurais do município de Socorro.  Esses métodos são inadequados pois, contaminam o solo, poluem os cursos d’água e poços utilizados para o abastecimento humano.

Socorro obteve três projetos aprovados, dois no Comitê das Bacias dos Rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí (CBH-PCJ) e um no Comitê da Bacia do Rio Mogi Guaçu (CBH-Mogi) totalizando R$ 735.396,20, captados.

“Parte desse recurso será utilizada na Elaboração de um “Plano Municipal de Saneamento Rural”, para o município de Socorro. O projeto contará com orientações sobre a implantação e ou melhorias dos serviços de saneamento na área rural, garantindo assim mais saúde à população e qualidade do meio ambiente” – relata o secretário de Meio Ambiente, Tiago Sartori.

Grande parte do recurso será para financiar o “PROGRAMA DE SANEAMENTO RURAL”, que irá beneficiar diretamente 128 famílias da zona rural de Socorro com a implantação de Fossas Sépticas Biodigestoras, evitando assim o descarte de esgoto no meio ambiente.

“Na prática toda a população será beneficiada com a conservação do solo e da água. As famílias beneficiadas foram selecionadas em conjunto com Departamento Rural e as Unidades Básicas de Sáude dos bairros do Rio do Peixe e Moraes. A expectativa é que consigamos iniciar os trabalhos no primeiro semestre de 2022” – comenta o prefeito, Ricardo Lopes.

Compartilhe: