Sociedade civil, empresas e Prefeitura de Socorro se unem na ação “Lixo Zero na Natureza”

Ação envolverá praticantes de esportes de aventura por terra, água e ar


Reunião realizada no Centro Administrativo em 05/08, para tratar sobre a ação

Os praticantes de esportes de aventura da cidade de Socorro resolveram agir para tornar a cidade um exemplo em relação a questão do lixo. No próximo domingo (09), quando a cidade vai estar comemorando 191 anos, todos os praticantes de esportes outdoor como ciclismo, canoagem e paraglider estarão participando de uma força tarefa para retirar todo lixo que encontrarem na natureza e, ao mesmo tempo, iniciarem um processo de educação focado na redução da geração de lixo e na destinação correta do mesmo, para que possa ser reciclado. Outros setores da sociedade como, por exemplo, as academias, as empresas, as ONGs ambientais e a Prefeitura também se envolveram nessa missão.

A intenção é que ninguém fique fora dessa ação e ela atinja pessoas de todas as idades e de todas as classes sociais. No dia 9 de agosto, a partir das 8 horas da manhã, os esportistas entrarão em ação simultaneamente. Os praticantes de rafting, caiaque e demais esportes aquáticos iniciarão a descida do rio do Peixe, passando pelas áreas rurais e também pelo centro da cidade, que é cortada pelo rio. Simultaneamente, ciclistas, motociclistas, praticantes de caminhadas, enfim, todos os esportes terrestres também estarão colhendo lixo de todas as trilhas e estradas rurais e aproveitando para distribuir, nas residências ao longo desses caminhos, folhetos educativos sobre como gerar menos lixo e também como agir com o lixo gerado. Os pilotos de asa delta, paraglider e ultraleves terão a missão de sobrevoar as áreas e identificar áreas críticas em relação ao lixo e problemas ambientais, para registrar os locais e subsidiar as equipes de terra e água, além de ajudar a retirar o lixo que localizarem. Uma verdadeira mega operação por terra, água e ar.

Os resíduos coletados serão depositados no Parque da Cidade, onde a CORENOVA (cooperativa responsável pela coleta seletiva do município) disponibilizará uma estrutura para a pesagem e correta separação dos resíduos em duas categorias: os materiais recicláveis, divididos em plásticos, papeis, vidros e metais; e os rejeitos (materiais não recicláveis), que serão destinados para o aterro sanitário pela equipe de limpeza pública municipal. A Prefeitura colocará toda sua equipe como apoio nos principais bairros da cidade.

A ideia é repetir a operação no dia 16 de agosto, e avaliar o resultado desse trabalho educativo após uma semana. Essa ação recebeu o nome de “Lixo Zero na Natureza” e a ideia é ser contínua, para que Socorro se torne uma referência de sustentabilidade e influencie também as demais cidades do Circuito das Águas e, por que não, outras regiões brasileiras onde a gestão do lixo é um dos maiores problemas ambientais.

Essa ação é um ato simbólico, que deverá envolver todos a população, sem exceção, e tem como objetivo futuro o que todos estão chamando de um “Socorro Limpo e Organizado”. A participação de cada um de nós, mesmo que seja retirar uma pequena sacolinha de lixo de um lugar público ou de uma estrada rural, e levar para a o Parque da Cidade, vai demostrar que estamos mudando a nossa consciência em relação nosso papel na salvação do planeta para as novas gerações.  Chegou a hora de todos nós pararmos pra pensar sobre a nossa responsabilidade com o futuro. Compareça no Parque até as 13 horas, quando será feito o encerramento ação, a pesagem do lixo e anúncio da quantidade obtida.

Compartilhe: